A arte do Grafite no Brasil e no Mundo

Escritos ou desenhos que foram rabiscados ou pintados em paredes, ou outras superfícies, geralmente públicas. O termo grafite surgiu no Império Romano e por muito tempo foi visto como irrelevante ou mera contravenção; hoje é uma arte reconhecida mundialmente (street art – arte urbana).

Normalmente distingue-se o grafite, de elaboração mais complexa, da simples pichação, no entanto, muitos grafiteiros respeitáveis, como “Os Gêmeos“, autores de importantes trabalhos em várias paredes do mundo, admitem ter um passado de pichadores.

Independente dos conceitos aplicados, segue uma seleção de 17 grafiteiros que conheci na minha jornada até aqui (alguns pessoalmente) e que tenho o prazer de compartilhar; espero que curtam também.

Grafite – Movimento Contracultural

A partir do movimento contracultural de maio de 1968, quando os muros de Paris foram suporte para inscrições de caráter poético-político, a prática do grafite generalizou-se pelo mundo, em diferentes contextos, tipos e estilos, que vão do simples rabisco ou de tags repetidas, como uma espécie de demarcação de território, até grandes murais executados em espaços especialmente designados para tal, ganhando status de verdadeiras obras de arte. Os grafites podem também estar associados a diferentes movimentos e tribos urbanas, como o hip-hop, e a variados graus de transgressão.

Dentre os grafiteiros, talvez o mais célebre seja Jean-Michel Basquiat, que, no final dos anos 1970, despertou a atenção da imprensa novaiorquina, sobretudo pelas mensagens poéticas que deixava nas paredes dos prédios abandonados de Manhattan. Posteriormente Basquiat ganhou o rótulo de neo-expressionista e foi reconhecido como um dos mais significativos artistas do final do século XX. Atualmente no século XXI, muitas pessoas usam o grafite como arte em museus de arte.

BASQUIAT – ESTADOS UNIDOS

Basquiat - 01

Basquiat - 02

BASQUIAT AO VIVO

 

ZEZÃO – SÃO PAULO

Zezão - 02 Zezão - 01

TIKKA – SÃO PAULO

Tikka - 02 Tikka - 01

SPETO – SÃO PAULO

Speto - 02

Speto - 01

SPETO – AUSTRÁLIA

Smug - 02

Smug - 01

OS GÊMEOS – SÃO PAULO

Ramon Martins - 01

Os Gêmeos - 02

ORION – SÃO PAULO

Orion - 02

Orion - 01

NINA PANDOLFO – SÃO PAULO

Nina Pandolfo  - 02

Nina Pandolfo  - 01

LUZ – FORTALEZA

Luz - 02

Luz - 01

KURT WENNER – ESTADOS UNIDOS

Kurt Wenner - 02

Kurt Wenner - 01

KOBRA – SÃO PAULO

Kobra - 02

Kobra - 01

KAREN KUEIA – MINAS GERAIS

Karen Kueia - 02

Karen Kueia - 01

ERIC GROHE – ESTADOS UNIDOS

Eric Grohe - 02

Eric Grohe - 01

EDGAR MUELLER – ALEMANHA

Edgar Mueller - 02

Edgar Mueller - 01

CRÂNIO – SÃO PAULO

Crânio - 02

Crânio - 01

CARÃO – PARANÁ

Carao - 02

Carão - 01

BANKSY – INGLATERRA

Banksy - 02

Banksy - 01

ALEX SENNA – SÃO PAULO

Alex Senna - 02

Alex Senna - 01

>>>
E aí, curtiu? Qual a sua opinião sobre os trabalhos?

Fonte Wikipédia… 

Sergio Evangelista

Publicitário, designer e consultor digital - conteúdo, design e marketing digital.

1 Comentário
  1. Buenas noches:
    Estuve en Fortaleza y vi el trabajo de mural de luz. Quisiera saber donde puedo ver más ya que no pude acceder a la pag de internet que allí figura.
    Muchas gracias!!!!
    Flavia

Seu comentário é importante!

Your email address will not be published.

Você pode usaratributos e tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>