Divindade

A vida é de repente um susto
Você abre os olhos e chora
A solidão de nascer
É se não a saudade
De tudo o que não pode se lembrar
A vida é de repente um despertar
Você abre os olhos e sorri
A paz de estar
É se não o próprio existir
A vida é de repente um mistério
Divino
Feito para evoluir

Camila Reffatti

Camila Reffatti

Sei que quando sinto, eu sou. Então vou sendo agora, depois agora no futuro, mas nunca esquecendo do agora que já foi. Vou sendo, até que não cabe mais ser agora.

1 Comentário

Seu comentário é importante!

Your email address will not be published.

Você pode usaratributos e tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>